Casa de Cima

by Pega Monstro

supported by
/
  • Streaming + Download

    Includes unlimited streaming via the free Bandcamp app, plus high-quality download in MP3, FLAC and more.

      $8 USD  or more

     

  • Full Digital Discography

    Get all 4 Pega Monstro releases available on Bandcamp and save 20%.

    Includes unlimited streaming via the free Bandcamp app, plus high-quality downloads of Casa de Cima, B Fachada Pega Monstro / Pega Monstro B Fachada, Alfarroba, and Pega Monstro. , and , .

      $16.80 USD or more (20% OFF)

     

1.
02:11
2.
3.
4.
06:22
5.
03:12
6.
06:49
7.
06:08

credits

released June 2, 2017

Todas as canções por Pega Monstro
Fotografia da capa pela amiga Sara Rafael
Gravado em Setembro de 2016 na Casa de Cima na Praia Grande
Produzido e gravado pelo Leonardo Bindilatti
Misturado pelo Eduardo Vinhas no Golden Pony Studios em Lisboa
Master por John Hannon

Obrigada ao Leo, Zé, Dudu, B, Sara, Pete and Sam, Chris and Kimberly, Amigos, Pais, Irmãos e Fetra!

tags

tags: rock Lisboa

license

all rights reserved

about

Pega Monstro Lisboa, Portugal

booking - afonso@filhounico.com

de Lisboa/ from Lisbon
Irmãs Júlia (bateria e Voz) e Maria (guitarra e voz) / Sisters Júlia and Maria

contact / help

Contact Pega Monstro

Streaming and
Download help

Track Name: Ó Miguel
Troquei as cordas todas da guitarra
Passei a nota solta no papel
Cantei o cabo verde qu'ouvi
Mudar a curvatura do degredo

Chamada de voz, quem lá tá?
Rapaz da pele escura tem medo
Vermelho vou ficar a sentir
Não percebes são problemas de mulher

Ó Miguel, ó Miguel não ligues
são manias qu'eu não tenho mas insisto em dizer
qu'a verdade vou ficar a sofrer

Ó Miguel, Ó Miguel
não me acuses de desperdiçar
o que eu não quero
Track Name: Partir A Loiça
Pára de ouvir, Pára de olhar
Escrita escriba parte a merda toda
E já estão fartos de esperar
Pela conversa dos antigos
Para o campismo de passar
Luvas e estrelas e aquelas roupas
E tá na hora de espancar
A cabecinha dos betinhos
Bora partir
Um de cada vez
Eu vou Partir a loiça toda
Mais de longe pra doer
Já me custa a engolir
Maís vale tarde do que nunca ouviram?
Esta merda não é nossa
é só daqueles com a pança gorda
e já lá vão os dias maus
agora é só fazer beicinho
para o campismo...
Track Name: Fado da Estrela do Ouro
Combinei às 20h30
à porta da Cinemateca
enrolei um charro de erva
pra ver se a coisa passada
ficou só canção cansada
a tocar no meu ouvido

Não há nada qu'eu não colha
camomilas do mazelo
e eu já nem quero tê-lo
Já nem conta a vontade da pessoa
São as rochas do mar
São coisas qu'eu tenho visto
e eu nem mereço isto
quando a culpa é do homem

Encontrei-te à 00h00
na Estrela d'Ouro
fica ali na velha Graça
na Senhora do Monte
Track Name: Cachupa
Não quero mais este prazer sem compromisso
Tá fodido vacilei
Dei-te milho pra cachupa nem quiseste descascar
Eu quero amar e quero ser tua namorada
quero ser eu e tu
Já tou tão farta de te dizer merda ao ouvido
tipo "és lindo, quero casar"
Faço um bico, tou com a tusa mas fiquei a escorregar

O moinho do café
moí grãos e faz deles pó
o pó qu'a minha alma é
moeu quem me deixou só
Track Name: Pouca Terra
Pouca-terra é o milagre que está pra chegar
à espera que uma vaca tussa
ou espinafre para enrijar
mas perco sempre a vontade
cruzamento pra fila de trás
pouca-terra evidentemente pá
Prende-se à memória
cortesia provençal
às tantas perco a vontade
por te achar tão anormal
mas nada quero paz
eu achei que nem foi disso
pouca-terra assumiste um compromisso

pouca-terra, quando é que páras?
Track Name: Sensação
Pele de apaixonar
Sensação de dor de dente
sem tirar nem pôr
com cada coisa que me lembro
Vim-me com a pressão
Alquimia
às 3h00 da manhã
é masi fácil sem diferente
e a razão d'eu tar assim tão zangada é só sensação

Sobe
prás minhas costas
perpendicular jamais
é calcário
VIm pra transformar
volta cedo
rede pra pescar
sarcedotes doutros tempos

e a razaõ de eu ser assim tão fechada é pla tradiçao
Track Name: Odemira
Fui e bazei abalar
Fiz tantas promessas que eu não vou agarrar
Achei que esta dica não me ia queimar
Frutas do leste que eu não vou apanhar
tou quase a lembrar

dos dias a queimar
das uvas pra comer
dos amigos que não são
do sol de cada vez

De Marraquexe a Odemira, lágrimas do quê?

já vivi no sargaçal
lulas todo o mês
e os abraços que eu não dei
todos de uma vez

de Marraquexe a Odemira, lágrimas do quê?